Copyright © 2020 Martins & Bueno

Todos os direitos reservados

mbrh@mbrh.com.br | (31) 3194-3300

Av. do Contorno, 5417 - 6º e 9º andares

Belo Horizonte, MG - CEP 30110-925

  • Facebook Martins & Bueno
  • LinkedIn Martins & Bueno
  • Instagram Martins & Bueno
Post Roll Comunicação e Marketing Digital
Please reload

Posts Recentes

7 habilidades profissionais do futuro para começar a aprender hoje

December 9, 2019

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

Erros de gramática são o principal fator de eliminação em processos seletivos

Segundo os profissionais de Recursos Humanos, os motivos para eliminação são: 25% por falta de experiência, 10% por ausência de objetivos profissionais e 9% porque os candidatos moram longe da empresa

Muitas são as preocupações na hora de uma entrevista. Passar uma boa impressão, enaltecer suas habilidades e competências e, claro, gravar uma boa imagem na memória do entrevistador. Mas para chegar a essa etapa existe um primeiro contato que precisa ser praticamente perfeito, o currículo. Esta que é a principal ferramenta que aproxima o candidato em busca de uma vaga e o recrutador.

 

Nessa primeira comunicação, o documento pode dizer muito sobre o entrevistado: se é atento, organizado, displicente e até mesmo se possui ou não domínio no uso do português. Falhar na revisão deste material pode queimar todas as chances de avanço no processo seletivo.

 

Segundo uma pesquisa realizada pela Catho com diversos recrutadores, 34% dos profissionais afirmam que erros de gramática são o principal fator para eliminação de candidatos. Tendo em vista que o profissional tem tempo para elaborar, revisar e corrigir eventuais erros de gramática do seu “cartão de visita”, errar no currículo deixa uma má impressão, principalmente a de falta de cuidado com a própria imagem.

 

A análise ainda apontou outros fatores que fazem com que um currículo seja descartado imediatamente. Segundo os profissionais de Recursos Humanos, os motivos para eliminação são: 25% por falta de experiência, 10% por ausência de objetivos profissionais e 9% porque os candidatos moram longe da empresa.

Mas afinal, o que esses erros representam?

 

Um currículo com erros gramaticais pode demonstrar uma dificuldade de comunicação escrita, sendo uma das competências técnicas mais apreciadas pelas organizações, além de  um forte aliado dos negócios. Quando o profissional demonstra essa dificuldade, ele coloca em dúvida a qualidade das entregas que fará e como será a comunicação entre eles e os colegas de trabalho, clientes e parceiros de negócio.

 

É necessário ressaltar que processo de recrutamento começa muito antes da entrevista. Ele é iniciado quando os currículos começam a ser selecionados. Logo, um bom currículo deve ser objetivo, conter informações sobre as experiências do profissional e estar de acordo com o cargo a que se destina. Além de possuir uma estrutura limpa, bem organizada e passar por minuciosa revisão antes de ser enviado.

 

Ainda segundo o levantamento da Catho, um recrutador recebe em média de 30 a 50 currículos por vaga, desses, 5 a 10 candidatos chegam a participar de uma entrevista com o recrutador. Diante desse cenário de grande concorrência, o número de candidaturas para vagas está cada vez maior. Sendo assim, é função do recrutador filtrar os candidatos e escolher aquele que se encaixa melhor ao perfil do cargo. Se queimar no primeiro contato por conta de erros gramaticais não é perder uma oportunidade de entrevista, e sim, várias.

 

Apesar dos diversos avanços tecnológicos para procurar emprego, a pesquisa ainda aponta que o formato do currículo não entrou em desuso. Segundo os recrutadores, 75% afirmam que o material é muito importante para o processo seletivo, enquanto 25% afirmam ser importante. As opções “neutro”, pouco importante” e “não é importante” não foram marcadas por nenhum respondente. O que reafirma a importância de ter um currículo atualizado, bem preenchido e atrativo para o mercado de trabalho.

 

Dicas para um currículo campeão

 

Construir um bom currículo requer alguns cuidados, tais como o preenchimento indispensável de dados pessoais, objetivo, formação acadêmica, experiência profissional, fluência em idiomas e outros cursos.

 

É importante destacar a necessidade de todos os tópicos estarem devidamente preenchidos e atualizados. Quanto mais assertivo for o seu currículo para a vaga que está concorrendo, maiores as chances de contratação.

 

Seja pontual em cada informação colocada, não floreie demais o material. Nada como um documento conciso, legítimo e enxuto. Assim o recrutador saberá tudo o que precisa de uma forma fácil e rápida, o que torna seu material competitivo e atrativo diante dos concorrentes.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga